Frutas desperdiçadas viram arte pelas lentes da francesa Pauline Daniel 

Mostra reúne 20 fotos produzidas no Brasil e na França vai rodar o Brasil

Crédito: Fast Company Brasil

Redação Fast Company Brasil 1 minutos de leitura

Em 2014, a união da fotógrafa francesa Pauline Daniel com o Banco de Alimentos da França resultou na exposição “Sob a pele” (Éplouchez-moi), uma série de fotos de alimentos danificados, totalmente consumíveis, mas considerados impróprios para a venda.

O projeto visava chamar a atenção para a problemática do desperdício de alimentos, que agora ganha sua versão brasileira, e não por acaso: um levantamento da ONU constatou que o Brasil desperdiça, por ano, cerca de 27 milhões de toneladas de alimentos.

Pauline no Ceasa, no Rio de Janeiro (Crédito: Divulgação)

A convite do Consulado da França no Rio de Janeiro, Pauline – especializada em fotografar comida – fez duas residências artísticas visitando o Banco de Alimentos do Ceasa, no Rio, e assim produziu 13 fotos de frutas típicas brasileiras.  Muitas, como a jaca, ela viu pela primeira vez.

A exposição poderá ser vista até o dia 18 de setembro no Centro Cultural Parque das Ruínas, no bairro de Santa Teresa, localizado nas ruínas da casa da grande mecenas da Belle Époque carioca, a socialite Laurinda Santos Lobo.

Lá, Pauline reúne as 13 fotos produzidas no Brasil e sete apresentadas na edição francesa da exposição, retratando alcachofras, peras e pimentões.

“O trabalho centrou-se na revelação da beleza invisível e interior, jogando ao mesmo tempo com o cenário em luz, o puro esteticismo da matéria, o humor e a imaginação. Com esta série, tive o prazer de questionar a ditadura da beleza, tão prevalecente na nossa sociedade e da qual participo indiretamente, como fotógrafa de gastronomia que sou”, disse Pauline. 

Em uma parceria com a Aliança Francesa, além do Rio de Janeiro, mais 10 cidades vão receber a mostra: Belo Horizonte, Blumenau, Curitiba, Juiz de Fora, São Carlos, Campinas, Fortaleza, Grande ABC, Manaus e Nova Friburgo.


SOBRE O(A) AUTOR(A)

Conteúdo produzido pela Redação da Fast Company Brasil. saiba mais