Cinco exemplos de como os NFTs ainda podem se tornar muito úteis

Crédito: Fast Company Brasil

Mark Sullivan 7 minutos de leitura

Hoje, a maioria das pessoas associa tokens não fungíveis (NFTs) a cripto nerds e a peças de arte digital muito caras. Talvez tenha sido apenas uma falta de sorte o fato de que o universo da arte foi a circunstância onde os NFTs ganharam força: muito antes dos NFTs aparecerem, esse universo já era movido pelo hype e pela especulação.

Mas os entusiastas da criptografia acreditam que a história dos NFTs está apenas começando, e que casos de uso mais úteis e previsíveis para os tokens estão prestes a surgir. Embora esses cenários ainda estejam longe de ser convencionais, as empresas de tecnologia já começaram a oferecer produtos e serviços para habilitá-los.

1. A MODA SE VIRTUALIZA

Por mais difícil que seja imaginar essa situação, a propriedade no mundo virtual pode um dia se tornar tão importante quanto no mundo real. Um NFT comprovando a propriedade de uma parcela de terreno digital pode ser tão importante quanto a escritura de uma casa no mundo físico. “Os NFTs (ou suas tecnologias descendentes) fornecerão direitos de propriedade digital a bilhões de pessoas, diz o cofundador da Animoca Brands, Yat Siu. “Essa propriedade incluirá bens digitais e físicos e informações de todos os tipos.”

As marcas de moda já estão procurando criar gêmeos digitais dos produtos do mundo real que vendem. Pode funcionar mais ou menos assim: digamos que Yves Saint Laurent venda um vestido de noite de US $ 5.000 para alguém em uma de suas lojas. A loja pode dar ao comprador um NFT especial, um “gêmeo digital” do vestido, que a pessoa pode colocar em seu avatar quando circula pelos mundos de jogos online, como Roblox, Fortnite ou outros locais digitais. Ou a coisa toda pode funcionar de maneira inversa: a mulher pode comprar a versão digital do vestido primeiro, o que lhe daria a propriedade do vestido físico como parte do negócio.

“A geração Roblox / Fornite buscará marcas que combinem o real e o irreal e deixará o comprador exibir isso aos amigos”, disse o diretor executivo de criação da RGA London, Nick Pringle.

2. ETERNAL WEB DOMAINS

Os domínios de sites costumam estar entre as primeiras preocupações quando uma empresa decide iniciar um negócio online. Um endereço (URL) simples e fácil de decorar pode fazer toda a diferença no marketing do site e de seus produtos. Por causa disso, e do fato de que as extensões de URL disponíveis são limitadas, alguns nomes de domínio se tornaram muito caros para comprar. Essa também é a razão pela qual alguns oportunistas se envolvem em “sniping de domínio”; eles esperam que os registros de nomes de domínio populares expirem e, em seguida, invadem e compram o URL antes que o proprietário entenda o que aconteceu.

O CEO da Unstoppable Domains, Matthew Gould, me disse que agora você pode comprar ou registrar um nome de domínio como um NFT no blockchain (e armazená-lo em sua carteira criptografada) em vez de obter um em um registrador como Network Solutions ou GoDaddy. Com os nomes de domínio baseados em blockchain, vem um novo conjunto de domínios de nível superior disponíveis, como crypto e.bitcoin.

Os registradores de domínios NFT, como o Unstoppable Domains, cobram apenas uma taxa única por esses domínios, compara Gould, enquanto os registros tradicionais exigem taxas periódicas perpétuas. Quando os operadores de sites podem comprar nomes de domínio diretamente e possuí-los para sempre, eles não são mais alvos desse golpe de sequestro de domínios. Alguns acreditam, entretanto, que como os domínios do blockchain são descentralizados e razoavelmente anônimos, eles podem ser usados ​​por malfeitores como uma ferramenta para o crime cibernético.

3.  JOGAR PARA GANHAR

Alguns jogos permitem que os usuários comprem roupas do jogo e outros produtos digitais, como NFTs. Por exemplo, os jogadores do jogo Fortnite da Epic usam criptomoeda para comprar skins (roupas) para seus avatares. Isso pode soar um pouco estranho, porque essas skins não têm valor fora dos limites digitais do jogo. Mas faz muito sentido para os milhões de jogadores que gastaram dinheiro em produtos digitais dentro dos jogos.

Na verdade, os NFTs não precisam necessariamente permanecer dentro do jogo. O jogo Axie Infinity decolou nos últimos meses, em grande parte porque os jogadores têm a chance de ganhar dinheiro de verdade jogando. No jogo, os jogadores compram bichinhos de estimação digitais chamados Axies. Esses Axies lutam contra outros Axies. Os jogadores podem ganhar fichas por lutar bem. Se eles ganharem fichas suficientes, eles podem gerar novos Axies a partir dos que já têm.

Os jogadores podem vender seus Axie NFTs em um mercado dentro do jogo. Em última análise, os jogadores podem tirar seus tokens (do jogo) e / ou os lucros da venda de Axies, da plataforma Axie Infinity para abrir mercados fora do jogo onde eles podem converter a criptografia em moeda tradicional, se assim desejarem.

E há muito mais do que isso. Criar um Axie é, na verdade, algo como um casamento entre o xadrez, o jogo Dungeons & Dragons e o jogo Pokémon Go. É um exemplo de desenvolvedor de jogos que encontrou um modelo de negócios baseado em NFT que funciona, fazendo com que os jogadores voltem.

Há até um documentário sobre Axie e a “revolução do jogo para ganhar”. Outros desenvolvedores de jogos podem encontrar suas próprias fórmulas dentro desse gênero.

4. INGRESSOS INTELIGENTES PARA EVENTOS

Imagine usar bitcoin para comprar um NFT que o levará a um show ou evento esportivo. O NFT pode vir com arte digital bacana ou com algum outro conteúdo especial da uma banda ou da equipe esportiva. Uma vez dentro do evento, você poderá usar o NFT para comprar extras, como bebidas, comida ou uma camiseta. Empresas como TicketMint e NuArca Labs lançaram plataformas para oferecer suporte à emissão de ingressos NFT. E mesmo após o término do evento, um NFT pode agregar valor de uma forma que os tíquetes de papel não podem. Se você é do tipo que gosta de guardar ingressos de shows ou de jogos como recordações, pode guardar seu NFT em sua carteira criptografada. Se representar um evento memorável, o NFT pode até valer alguma coisa.

Os entusiastas da criptografia preveem que os NFTs podem mudar a economia do setor de eventos. Afinal, os NFTs são contratos inteligentes. Eles podem ser configurados para que o produto de cada venda seja automaticamente dividido entre as partes interessadas. O local pode receber 30%, o artista ou equipe esportiva 40%, a equipe de limpeza 1% e assim por diante. Pagar a todos diretamente por meio do blockchain pode simplificar todo o empreendimento e, talvez, eliminar a necessidade de alguns dos intermediários, pensa-se.

5. MAIS PROGRAMAS DE RECOMPENSAS

Gould me disse que bandas, times esportivos e promotores de eventos estão observando o espaço do NFT com muita atenção porque vêem os NFTs como uma grande oportunidade de se conectar continuamente com os fãs. Como um ingresso NFT é registrado para você no blockchain, o promotor de um show ou evento esportivo pode usá-lo como veículo para um programa de recompensas que oferece conteúdos e vantagens extras para determinados fãs. Isso pode significar a admissão a uma festa de bastidores no pós-show, um encontro com um time esportivo após um jogo ou um evento organizado pelo fã-clube oficial semanas após o evento. Alguns desses eventos especiais podem ser no mundo real, enquanto outros podem ser Tvirtuais.

Os NFTs ainda têm alguns obstáculos reais a superar antes de estarem prontos para ganhar as massas. Os reguladores financeiros ainda precisam deixar mais claro como lidarão com os tokens. Os tribunais irão eventualmente gerar mais jurisprudência em torno de disputas de direitos autorais sobre NFTs. Os desenvolvedores de infraestrutura de Blockchain devem descobrir como aumentar o uso de NFTs sem prejudicar o meio ambiente.

Podemos finalmente perceber que os NFTs já estão se tornando bastante populares porque já está diminuindo o número de manchetes que fazem referência a essa sigla. Afinal de contas, NFTs são apenas pequenos contratos inteligentes mundanos que podem ser vinculados a um conteúdo digital valioso. Os NFTs podem, em última análise, ser mais úteis quando estão se atualizando silenciosamente e de forma discreta, em segundo plano, fora dos olhos do público.


SOBRE O AUTOR

O redator sênior da Fast Company, Mark Sullivan, cobre tecnologia emergente, política, inteligência artificial, grandes empresas de te... saiba mais