A psicóloga Elaine Aron, que vem estudando o traço de temperamento inato da alta sensibilidade desde 1991, cunhou o termo “Highly Sensitive Person” (indivíduo altamente sensível).

Para os indivíduos que possuem esta característica – cerca de 20% da população –, isso pode ser uma dádiva ou uma maldição. As HSPs sentem com mais intensidade tanto as emoções positivas quanto as negativas que as não-HSPs. Esta sensibilidade parece estar ligada a maiores níveis de criatividade, relações pessoais mais profundas e maior apreciação pela beleza.

Indivíduos altamente sensíveis precisam de mais tempo para processar e, se algo parece estar errado, geralmente identificam o que precisa ser investigado. Mapeamentos cerebrais mostram que as HSPs possuem mais neurônios ativos responsáveis pelo sentimento de empatia e mais atividades em áreas do cérebro que envolvem respostas emocionais.

Vamos dar uma olhada nas qualidades dos indivíduos altamente sensíveis para que você reconheça seus traços, dons e a forma como se sentem mais confortáveis no ambiente de trabalho.

1. PROCESSAM AS COISAS DE UMA FORMA MAIS PROFUNDA

O cérebro altamente sensível tem uma ínsula mais ativa, a parte do cérebro que ajuda a aumentar a percepção e o autoconhecimento. As HSPs também são pré-dispostas a pausar e refletir antes de tomar decisões. Portanto, estão sempre observando informações ao seu redor e refletindo sobre elas.

Como notam detalhes mais sutis no ambiente, são mais impactados emocionalmente por estímulos sociais e notam o “pulso” da energia do local de trabalho, o que pode ser muito útil. Percebem pequenos detalhes que outros não veem, tais como linguagem corporal ou pequenas mudanças em um ambiente. São os primeiros a notar que um colega cortou o cabelo ou que alguém está chateado.

2. SENTEM AS EMOÇÕES DE FORMA INTENSA

São mais emotivos em resposta a eventos – tanto positivos como negativos, e notam detalhes sutis que outros deixam escapar, como sinais não-verbais.

Devido a sua grande capacidade de empatia, as HSPs normalmente se sentem culpadas por dizer “não” e se preocupam em magoar os outros. Precisam de tempo para refletir antes de agirem. Mesmo transições positivas, como ser promovido ou começar uma nova relação, podem ser desafiadoras. Mas quando administrados corretamente, estes indivíduos conseguem usar suas habilidades perceptivas para ajudar a criar um ambiente de trabalho harmonioso.

3. SÃO SENSÍVEIS A INFORMAÇÕES SENSORIAIS

Alguns tipos de estímulos externos incomodam as HSPs, como luzes muito fortes, sons altos, estímulos sociais, ônibus lotados, telas de cinema que piscam muito rapidamente, cheiros fortes e texturas mais grossas. Muitos tapam suas orelhas quando uma ambulância ou caminhão de bombeiros passa, cortam as etiquetas de suas roupas e são fortemente suscetíveis aos efeitos da cafeína ou do chocolate amargo.

4. GOSTAM DE CONEXÕES COM PROPÓSITO
Quando pessoas altamente sensíveis estão vivendo um estilo de vida adequado para o seu temperamento – o que inclui tempo de descanso adequado, conexões com significado e tempo para integrar as experiências – são capazes de acessar boa parte dos dons presentes nos seus cérebros e na sua grande capacidade emocional. Normalmente gostam de interações pessoais individuais e significativas. Isso significa que são ótimas em ambientes de trabalho que valorizam comunicação e trabalho em equipe.

Mesmo as pequenas coisas podem trazer alegria para as HSPs, já que sentem tudo de maneira mais profunda e se emocionam facilmente. Comparadas aos demais, tendem a sentir os eventos com mais profundidade e por períodos mais longos. Podem ser os primeiros a chorar em um filme ou a ter sonhos vívidos, que os acompanham por dias. Costumam ser profundamente espirituais e têm conexão com a natureza e com os animais. A tendência a ser consciente leva a um comprometimento para fazer as coisas do jeito certo.

5. TÊM EMPATIA, INTUIÇÃO E PERCEPÇÃO
Elas têm bastante interesse, empatia e uma resposta emocional às necessidades dos outros. A percepção aguçada, a visão e a intuição permitem que o indivíduo altamente sensível perceba sinais não verbais e capte nuances sutis. Devido ao maior nível de sensibilidade, quando estão no ambiente certo elas tendem a prosperar e exibir muitas características valiosas no trabalho, tais como criatividade e atenção aos detalhes.

SOBRE O AUTOR

Harvey Deutschendorf é um especialista em inteligência emocional, escritor e palestrante.