5 perguntas para Andrea Miranda, CEO da Standout

Crédito: Divulgação

Redação Fast Company Brasil 3 minutos de leitura

Com mais de 30 anos de experiência em TI aplicada ao marketing digital e publicidade, Andrea Miranda é cientista da computação formada pela USP. Antes de abrir sua própria empresa, em 2015, trabalhou no Bradesco e na agência de publicidade Havas Worldwide.

A Standout é especializada em trade marketing digital, responsável pela distribuição de vitrines digitais de mais de 300 marcas. No comando da empresa, Andrea lidera o planejamento de estratégias para aquisição de parcerias, a criação e a implementação dos projetos para os clientes.

Nesta entrevista à Fast Company Brasil, a empresária fala sobre delegar responsabilidades e incorporar princípios éticos e de sustentabilidade à vida pessoal e profissional.

O que é inovação?

Existem inúmeras formas de se responder a essa pergunta. Focando nas mais relevantes, inovação tanto é a arte de fazer algo que nunca foi feito antes, atendendo a uma demanda reprimida, quanto uma nova forma de fazer algo, seja mais rápido, melhor ou com mais eficácia.

Costumo sempre contratar pessoas mais inteligentes que eu. A liderança fica extremamente mais fácil.

Às vezes, pode-se imaginar que inovação é sempre algo grandioso, como um carro voador. Mas existem grandes inovações, que realmente mudam a vida das pessoas no seu dia a dia, e que, de tão importantes, acabam sendo absorvidas muito rapidamente: dos apps de transporte e de comunicação ao trade marketing digital, tudo é inovação.

Qual é a habilidade mais importante para exercer a liderança?

Pessoas extremamente centralizadoras não costumam ser bons líderes. Deve existir a confiança do líder no time para que todos possam exercer plenamente a autonomia das atividades que lhes foram atribuídas/ delegadas.

Contratando pessoas que partilham da sua ética e dos seus valores, subsidiando-as com as prioridades do plano executivo e respondendo a necessidades específicas de formação que possam aparecer, a autonomia é o que elas precisam para realizar um trabalho grandioso. Costumo sempre contratar pessoas mais inteligentes que eu. A liderança fica extremamente mais fácil.

O que é qualidade de vida para você?

É estar onde se quer estar, com as pessoas com as quais você escolheu compartilhar cada momento. Vale tanto profissional quanto pessoalmente e tanto para os momentos incríveis quanto para os desafios. 

O que o conceito de sustentabilidade representa para você e como se conecta ao seu trabalho?

Sustentabilidade não pode ser algo conceitual apenas, ou algo que esteja fora de alcance. Deve ser um valor intrínseco para todos nós e, como tal, fazer parte de todas as tomadas de decisão do dia a dia.

Se os problemas progridem, é necessário que as soluções também evoluam.

Seja na troca de papel por documentos digitais, seja na diminuição do consumo de copinhos plásticos, seja na escolha de fornecedores, a sustentabilidade, assim como a ética e o bom humor, permeiam todas as minhas atividades profissionais (e pessoais também).

Qual o conselho mais importante que já recebeu na vida?

Sou muito privilegiada, já recebi vários. Escolhendo um hoje, seria “apaixone-se pelo problema, e não pela solução”. 

Quando você cria uma solução/ inovação e fica focado nela, possivelmente estará deixando de lado diversos aspectos ou players e pode ficar martelando uma solução “quadradinha” dentro de um problema “redondinho”. Ou vice-versa.

Já quando você está focado no problema, pode usar todo o seu potencial criativo para propor uma infinidade de soluções e, a partir disso, escolher a melhor, frente aos critérios estabelecidos. Se os problemas progridem, é necessário que as soluções também evoluam.


SOBRE O(A) AUTOR(A)

Conteúdo produzido pela Redação da Fast Company Brasil. saiba mais